20 julho 2009


INTENÇÃO

 
Se te amar me bastaria...
claro, mais que um dia,
ou um anoitecer
com estrelas sem pontas,
em pontos no meu olhar
que caem pela tua ausência,
pelo teu adeus sem sinfonia.
São perguntas,
as ruas vazias sem o teu vulto...
São respostas,
minhas voltas no passado...
Se te amar fosse tudo,
não seria somente meu,
Mas, teu também,
o nosso amor

Catarina Poeta

2 comentários:

©tossan disse...

É a sinfonia da saudade, um item que ficou. Bela poesia! Beijo

railer disse...

calma aí... amor não enche barriga, hein.

Postar um comentário